Pesquisar este blog

Meus Vídeos...

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Lembrança...

Gostaria de reunir numa das salas de meu


coração todos os que foram particularmente

meus irmãos. Gostaria de rever seus semblantes

e reencontrar a energia que juntos

tivemos ontem. Gostaria de escutar suas

novas experiências e saber o que andam

inventando para melhor amar. Juntos folhearíamos

as páginas do álbum da vida.

sábado, 28 de agosto de 2010

Pensamento...

"Tudo o que dorme é criança de novo. Talvez porque no sono não se possa fazer mal, e se não dá conta da vida, o maior criminoso, o mais fechado egoísta é sagrado, por uma magia natural, enquanto dorme. Entre matar quem dorme e matar uma criança não conheço diferença que se sinta."




Fernando Pessoa.

Fascination...

Qu'est-ce que tu es pour moi?


Ça c'est difficile de définir...

Car tout que je sens pour toi

Va au-delà l'emotion,

Ça passe à travers le corps, arrive à l'âme,

Ça extrapole mes sensations,

C'est fantastique, c'est joie,

C'est magie, c'est... fascination!..



Et quand je te baise, alors...

Des coups de vents touchent mon coeur,

Dans une intime donation,

C'est un mélange de sentiments,

De poésie, de chansons,

D'arômes, de doux mystères,

Saveur de fascination...



Qu'est-ce que tu es pour moi?!

Tu est la parfaite synthèse

De la plus parfaite union,

C'est un mélange de tendresse,

D'amitié, d'amour, passion...

Tu es mon rêve, ma realité,

Tu es pure fascination!!...



Oriza Martins

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Aos Deuses...

Aos deuses peço só que me concedam




O nada lhes pedir. A dita é um jugo



E o ser feliz oprime



Porque é um certo estado.



Não quieto nem inquieto meu ser calmo



Quero erguer alto acima de onde os homens



Têm prazer ou dores.

Ricardo Reis.

COMO ALCANÇAR A FELICIDADE...

Para começarmos, podemos dividir todo tipo de felicidade e sofrimento em duas categorias principais: mental e física. Das duas, é a mente que exerce a maior influência em muitos de nós. A menos que estejamos gravemente doentes, ou privados de nossas necessidades básicas, a condição física representa um papel secundário na vida. Se o corpo está satisfeito, praticamente o ignoramos. A mente, entretanto, registra cada evento, por mais pequeno que seja. Por isso, deveríamos devotar nossos mais sérios esforços à produção da paz mental. A partir de minha própria limitada experiência, descobri que o mais alto grau de tranqüilidade interior vem do desenvolvimento do amor e da compaixão. Quanto mais nos ocuparmos com a felicidade alheia, maior se tornará nossa sensação de bem-estar. O cultivo de sentimentos amorosos, calorosos e próximos para com os outros automaticamente descansa a mente. Isto ajuda a remover quaisquer temores ou inseguranças que possamos ter e, nos dá força para enfrentarmos quaisquer obstáculos que encontramos. É a principal fonte de sucesso na vida. Enquanto vivemos neste mundo estamos destinados a encontrar problemas. Se, nessas ocasiões, perdemos a esperança e nos desencorajamos, diminuímos nossa habilidade de encarar as dificuldades. Se, por outro lado, nos lembramos que não se trata apenas de nós, mas, que todos têm de passar por sofrimento, esta perspectiva mais realista aumentará nossa capacidade e determinação para sobrepujarmos os problemas. Na verdade, com essa atitude, cada novo obstáculo pode ser encarado como sendo mais uma valiosa oportunidade de aprimorar nossa mente! Desse modo, podemos gradualmente nos esforçar para nos tornarmos mais compassivos, ou seja, podemos desenvolver tanto a genuína empatia pelo sofrimento dos outros, quanto a vontade de ajudar a remover sua dor. Como resultado, crescerão nossas próprias serenidade e força interior.




Dalai Lama

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Crescimento...

Vivemos prisioneiros de muitas formas e limitações que impedem a plena manifestação do amor. Se nutrirmos o ideal de crescer sempre, descobriremos, encantados, que estes entraves desaparecerão naturalmente ao longo do nosso caminho.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

JOSÉ...

E agora, José?


A festa acabou,

a luz apagou,

o povo sumiu,

a noite esfriou,

e agora, José?

e agora, Você?

Você que é sem nome,

que zomba dos outros,

Você que faz versos,

que ama, protesta?

e agora, José?

Está sem mulher,

está sem discurso,

está sem carinho,

já não pode beber,

já não pode fumar,

cuspir já não pode,

a noite esfriou,

o dia não veio,

o bonde não veio,

o riso não veio,

não veio a utopia

e tudo acabou

e tudo fugiue tudo mofou,


e agora, José?

E agora, José?

sua doce palavra,

seu instante de febre,

sua gula e jejum,

sua biblioteca,

sua lavra de ouro,

seu terno de vidro,

sua incoerência,

seu ódio, - e agora?

Com a chave na mão

quer abrir a porta,

não existe porta;

quer morrer no mar,

mas o mar secou;

quer ir para Minas,

Minas não há mais.

José, e agora?

Se você gritasse,

se você gemesse,

se você tocasse,

a valsa vienense,

se você dormisse,

se você cansasse,

se você morresse....

Mas você não morre,

você é duro, José!

Sozinho no escuro

qual bicho-do-mato,

sem teogonia,

sem parede nua

para se encostar,

sem cavalo preto

que fuja do galope,

você marcha, José!

José, para onde?

Carlos Drummond de Andrade

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

"O Amor é uma companhia"...

O amor é uma companhia.


Já não sei andar só pelos caminhos,

Porque já não posso andar só.

Um pensamento visível faz-me andar mais depressa

E ver menos, e ao mesmo tempo gostar bem de ir vendo tudo.



Mesmo a ausência dela é uma coisa que está comigo.

E eu gosto tanto dela que não sei como a desejar.

Se a não vejo, imagino-a e sou forte como as árvores altas.

Mas se a vejo tremo, não sei o que é feito do que sinto na ausência dela.



Todo eu sou qualquer força que me abandona.

Toda a realidade olha para mim como um girassol com a cara dela no meio.

domingo, 22 de agosto de 2010

Gabriel amorzinho da tia...

Aborto...

Antes de decidir tirar o feto


Vamos retornar ao dia da concepção

Quando, dentre milhões de espermatozóides,

Nós fomos o primeiro, o campeão.



E, fecundando o óvulo,

Nos desdobramos, sem parar,

Em inumeráveis células

Até nos formar.

E, em poucas semanas, já ter forma

O ser mais perfeito

Que Deus pode criar.



Durante a gestação

O feto entende, tem percepção sensorial,

Emociona-se, ouve conversas,

Sente prazer ou passa mal.



Existem pessoas que acham

Que aumentando o aborto

Diminui a criminalidade,

Por ser esta futura criança

Um problema para sociedade.



Se pudessem entender

Que aquela pobre criança

Um dia poderia ser

Um grande amigo

Que salvaria você



O feto não tem como se defender.

Fica quieto em seu cantinho,

Precisando somente de carinho,

Esperando em paz até nascer.



Imagine que a um feto

Está ligada a alma de um ser,

Que pode há centenas de anos

Estar tentando renascer.

sábado, 21 de agosto de 2010

Frase...

Seja otimista : pense que por maior que seja o buraco em que você se encontra, por enquanto ainda não há terra em cima.

Frase...

Uma das funções do Espírito Santo é aumentar a distância entre o Rio e a Bahia.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Dez Coisas que Levei Anos Para Aprender...

1. Uma pessoa que é boa com você, mas grosseira com o garçom, não pode ser uma boa pessoa.




2. As pessoas que querem compartilhar as visões religiosas delas com você, quase nunca querem que você compartilhe as suas com elas.



3. Ninguém liga se você não sabe dançar. Levante e dance.



4. A força mais destrutiva do universo é a fofoca.



5. Não confunda nunca sua carreira com sua vida.



6. Jamais, sob quaisquer circunstâncias, tome um remédio para dormir e um laxante na mesma noite.



7. Se você tivesse que identificar, em uma palavra, a razão pela qual a raça humana ainda não atingiu (e nunca atingirá) todo o seu potencial, essa palavra seria "reuniões".



8. Há uma linha muito tênue entre "hobby" e "doença mental".



9. Seus amigos de verdade amam você de qualquer jeito.



10. Nunca tenha medo de tentar algo novo. Lembre-se de que um amador solitário construiu a Arca. Um grande grupo de profissionais construiu o Titanic.



Luís Fernando Veríssimo

Coração...

Para se roubar um coração, é preciso que seja com muita habilidade, tem que ser vagarosamente, disfarçadamente, não se chega com ímpeto,


não se alcança o coração de alguém com pressa.

Tem que se aproximar com meias palavras, suavemente, apoderar-se dele aos poucos, com cuidado.

Não se pode deixar que percebam que ele será roubado, na verdade, teremos que furtá-lo, docemente.

Conquistar um coração de verdade dá trabalho,

requer paciência, é como se fosse tecer uma colcha de retalhos, aplicar uma renda em um vestido, tratar de um jardim, cuidar de uma criança.

É necessário que seja com destreza, com vontade, com encanto, carinho e sinceridade.

Para se conquistar um coração definitivamente

tem que ter garra e esperteza, mas não falo dessa esperteza que todos conhecem, falo da esperteza de sentimentos, daquela que existe guardada na alma em todos os momentos.

Quando se deseja realmente conquistar um coração, é preciso que antes já tenhamos conseguido conquistar o nosso, é preciso que ele já tenha sido explorado nos mínimos detalhes,

que já se tenha conseguido conhecer cada cantinho, entender cada espaço preenchido e aceitar cada espaço vago.

...e então, quando finalmente esse coração for conquistado, quando tivermos nos apoderado dele,

vai existir uma parte de alguém que seguirá conosco.

Uma metade de alguém que será guiada por nós

e o nosso coração passará a bater por conta desse outro coração.

Eles sofrerão altos e baixos sim, mas com certeza haverá instantes, milhares de instantes de alegria.

Baterá descompassado muitas vezes e sabe por que?

Faltará a metade dele que ainda não está junto de nós.

Até que um dia, cansado de estar dividido ao meio, esse coração chamará a sua outra parte e alguém por vontade própria, sem que precisemos roubá-la ou furtá-la nos entregará a metade que faltava.

... e é assim que se rouba um coração, fácil não?

Pois é, nós só precisaremos roubar uma metade,

a outra virá na nossa mão e ficará detectado um roubo então!

E é só por isso que encontramos tantas pessoas pela vida a fora que dizem que nunca mais conseguiram amar alguém... é simples...

é porque elas não possuem mais coração, eles foram roubados, arrancados do seu peito, e somente com um grande amor ela terá um novo coração, afinal de contas, corações são para serem divididos, e com certeza esse grande amor repartirá o dele com você.

terça-feira, 17 de agosto de 2010

E tudo mudou...

O rouge virou blush


O pó-de-arroz virou pó-compacto

O brilho virou gloss



O rímel virou máscara incolor

A Lycra virou stretch

Anabela virou plataforma

O corpete virou porta-seios

Que virou sutiã

Que virou lib

Que virou silicone



A peruca virou aplique, interlace, megahair, alongamento

A escova virou chapinha

"Problemas de moça" viraram TPM

Confete virou MM



A crise de nervos virou estresse

A chita virou viscose.

A purpurina virou gliter

A brilhantina virou mousse



Os halteres viraram bomba

A ergométrica virou spinning

A tanga virou fio dental

E o fio dental virou anti-séptico bucal



Ninguém mais vê...



Ping-Pong virou Babaloo

O a-la-carte virou self-service



A tristeza, depressão

O espaguete virou Miojo pronto

A paquera virou pegação

A gafieira virou dança de salão



O que era praça virou shopping

A areia virou ringue

A caneta virou teclado

O long play virou CD



A fita de vídeo é DVD

O CD já é MP3

É um filho onde éramos seis

O álbum de fotos agora é mostrado por email



O namoro agora é virtual

A cantada virou torpedo

E do "não" não se tem medo

O break virou street



O samba, pagode

O carnaval de rua virou Sapucaí

O folclore brasileiro, halloween

O piano agora é teclado, também



O forró de sanfona ficou eletrônico

Fortificante não é mais Biotônico

Bicicleta virou Bis

Polícia e ladrão virou counter strike



Folhetins são novelas de TV

Fauna e flora a desaparecer

Lobato virou Paulo Coelho

Caetano virou um chato



Chico sumiu da FM e TV

Baby se converteu

RPM desapareceu

Elis ressuscitou em Maria Rita?

Gal virou fênix

Raul e Renato,

Cássia e Cazuza,

Lennon e Elvis,

Todos anjos

Agora só tocam lira...



A AIDS virou gripe

A bala antes encontrada agora é perdida

A violência está coisa maldita!



A maconha é calmante

O professor é agora o facilitador

As lições já não importam mais

A guerra superou a paz

E a sociedade ficou incapaz...



... De tudo.



Inclusive de notar essas diferenças

A Pessoa Certa...

Pensando bem em tudo o que a gente vê e vivencia


e ouve e pensa, não existe uma pessoa certa pra gente.

Existe uma pessoa que se você for parar pra pensar é, na verdade, a pessoa errada.

Porque a pessoa certa faz tudo certinho!

Chega na hora certa, fala as coisas certas,

faz as coisas certas, mas nem sempre a gente tá precisando das coisas certas.

Aí é a hora de procurar a pessoa errada.

A pessoa errada te faz perder a cabeça, perder a hora, morrer de amor...

A pessoa errada vai ficar um dia sem te procurar

que é pra na hora que vocês se encontrarem

a entrega ser muito mais verdadeira.

A pessoa errada, é na verdade, aquilo que a gente chama de pessoa certa.

Essa pessoa vai te fazer chorar, mas uma hora depois vai estar enxugando suas lágrimas.

Essa pessoa vai tirar seu sono.

Essa pessoa talvez te magoe e depois te enche de mimos pedindo seu perdão.

Essa pessoa pode não estar 100% do tempo ao seu lado, mas vai estar 100% da vida dela esperando você.

Vai estar o tempo todo pensando em você.

A pessoa errada tem que aparecer pra todo mundo,

porque a vida não é certa.

Nada aqui é certo!

O que é certo mesmo, é que temos que viver cada momento, cada segundo, amando, sorrindo, chorando, emocionando, pensando, agindo,

querendo,conseguindo...

E só assim, é possível chegar àquele momento do dia em que a gente diz: "Graças à Deus deu tudo certo"

Quando na verdade, tudo o que Ele quer é que a gente encontre a pessoa errada pra que as coisas comecem a realmente funcionar direito pra

gente...



Luis Fernando Veríssimo

domingo, 15 de agosto de 2010

AJUDA E PASSA...


Estende A Mão fraterna ao que ri e ao que chora:

O Palácio e a Choupana , o ninho e uma sepultura ,

Tudo o Que vibra Espera uma luz Que resplendora,

Na eterna lei de amor Que Consagra uma Criatura .

Planta uma paz da Bênção , Como raios de aurora,

Nas trevas do Ladrão , Na dor da alma perjura ;

Irradia o Perdão e Atende , mundo afora,

Onde clame uma revolta e Onde Exista uma amargura .

Agora , hoje e Amanhã , Compreende , Ajuda e Passa ;

Esclarece uma alegria e uma consola Desgraça ,

Guarda o anseio do bem que é lume peregrino...

Não troques mal Por mal, foge à sombra e à vingança ,

Não te aflija a miséria , arrima- te á esperança .

Seja a bênção de amor a luz do teu destino.

sábado, 14 de agosto de 2010

A ponte para o sempre...

Pensamos, às vezes, que não restou um só dragão. Não há mais qualquer bravo cavaleiro, nem uma única princesa a passear por florestas encantadas.




Pensamos, às vezes, que a nossa era está além das fronteiras, além das aventuras. Que o destino já passou do horizonte e se foi para sempre.

É um prazer estar enganado. Princesas e cavaleiros, encantamentos e dragões, mistério

e aventura... não apenas existem aqui e agora,

mas também continuam a ser tudo o que já existiu nesse mundo!



Em nosso século, só mudaram de roupagem. As aparências se tornaram tão insidiosas, que princesas e cavaleiros podem se esconder um dos

outros, podem se esconder até de si mesmos.

Contudo, os mestres da realidade ainda nos encontram em sonhos para dizer que nunca perdemos o escudo de que precisamos contra os dragões, que uma descarga de fogo azul nos envolve agora, a fim de que possamos mudar

o mundo como desejarmos.



A intuição sussurra a verdade!

Não somos poeira, somos magia!

Feche os olhos e siga sua intuição.

Richard Bach.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Apelo...

"Meu apelo por uma revolução espiritual não é um apelo por uma revolução religiosa."




"As melhores coisas da vida, não podem ser vistas nem tocadas, mas sim sentidas pelo coração"



"Se conseguirmos deixar de lado as diferenças, creio que poderemos nos comunicar, trocar idéias e compartilhar experiências com facilidade"



"Se o seu coração é absoluto e sincero, você naturalmente se sente satisfeito e confiante, não tem nenhuma razão para sentir medo dos outros".



"Se você quer transformar o mundo, experimente primeiro promover o seu aperfeiçoamento pessoal e realizar inovações no seu próprio interior."



"Fale a verdade, seja ela qual for, clara e objetivamente, usando um toque de voz tranqüilo e agradável, liberto de qualquer preconceito ou hostilidade".



"Se seus sonhos estiverem nas nuvens, não se preocupe, pois eles estão no lugar certo; agora construa os alicerces"



Dalai Lama

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Para Sempre...

Por que Deus permite


que as mães vão se embora?

Mãe não tem limite,

é tempo sem hora,

luz que não se apaga

quando sopra o vento

e chuva desaba,

veludo escondido

na pele enrugada,

água pura, ar puro,

puro pensamento.

Morrer acontece

com o que é breve e passa

sem deixar vestígio.

Mãe, na sua graça,

é eternidade.

Por que Deus se lembra

- mistério profundo -

de tirá-la um dia?

Fosse eu Rei do Mundo,

baixava uma lei:

Mãe não morre nunca,

mãe ficará sempre

junto de seu filho

e ele, velho embora,

será pequenino

feito grão de milho.

                                                                                                                              Carlos Drummond

 de Andrade.

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Lembre - se...

Dê mais às pessoas, MAIS do que elas esperam, e faça com alegria.


· Decore seu poema favorito.

· Não acredite em tudo que você ouve, gaste tudo o que você tem e durma tanto quanto você queira.

· Quando disser "Eu te amo" olhe as pessoas nos olhos.

· Fique noivo pelo menos seis meses antes de se casar.

· Acredite em amor à primeira vista.

· Nunca ria dos sonhos de outras pessoas.

· Ame profundamente e com paixão.

· Você pode se machucar, mas é a única forma de viver a vida completamente.

· Em desentendimento, brigue de forma justa, não use palavrões.

· Não julgue as pessoas pelo seus parentes.

· Fale devagar mas pense com rapidez.

· Quando alguém perguntar algo que você não quer responder, sorria e pergunte: "Porque você quer saber?".

· Lembre-se que grandes amores e grandes conquistas envolvem riscos.

· Ligue para sua mãe.

· Diga "saúde" quando alguém espirrar.

· Quando você se deu conta que cometeu um erro, tome as atitudes necessárias.

· Quando você perder, não perca a lição.

· Lembre-se dos três Rs: Respeito por si próprio, respeito ao próximo e responsabilidade pelas ações.

· Não deixe uma pequena disputa ferir uma grande amizade.

· Sorria ao atender o telefone, a pessoa que estiver chamando ouvirá isso em sua voz.

· Case com alguém que você goste de conversar. Ao envelhecerem suas aptidões de conversação serão tão importantes quanto qualquer outra.

· Passe mais tempo sozinho.

· Abra seus braços para as mudanças, mas não abra mão de seus valores.

· Lembre-se de que o silêncio, às vezes, é a melhor resposta.

· Leia mais livros e assista menos TV.

· Viva uma vida boa e honrada. Assim, quando você ficar mais velho e olhar para trás, você poderá aproveitá-la mais uma vez.

· Confie em Deus, mas tranque o carro.

· Uma atmosfera de amor em sua casa é muito importante. Faça tudo que puder para criar um lar tranquilo e com harmonia.

· Em desentendimento com entes queridos, enfoque a situação atual.

· Não fale do passado.

· Leia o que está nas entrelinhas.

· Reparta o seu conhecimento. É uma forma de alcançar a imortalidade.

· Seja gentil com o planeta.

· Reze. Há um poder incomensurável nisso.

· Nunca interrompa enquanto estiver sendo elogiado.

· Cuide da sua própria vida.

· Não confie em alguém que não fecha os olhos enquanto beija.

· Uma vez por ano, vá a algum lugar onde nunca esteve antes.

· Se você ganhar muito dinheiro, coloque-o a serviço de ajudar os outros, enquanto você for vivo. Esta é a maior satisfação de riqueza.

· Lembre-se que o melhor relacionamento é aquele em que o amor de um pelo outro é maior do que a necessidade de um pelo outro.

· Julgue seu sucesso pelas coisas que você teve que renunciar para conseguir.

· Lembre-se de que seu caráter é seu destino.

· Usufrua o amor e a culinária com abandono total.



Dalai Lama

domingo, 8 de agosto de 2010

Simplesmente Amigos...


Tenho amigos que não sabem o quanto são meus amigos.

Não percebem o amor que lhes devoto e a absoluta necessidade que tenho deles. A amizade é um sentimento mais nobre do que o amor.

Eis que permite que o objeto dela se divida em outros afetos, enquanto o amor tem intrínseco o ciúme, que não admite a rivalidade.



E eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!

Até mesmo aqueles que não percebem o quanto são meus amigos e o quanto minha vida depende de suas existências.



A alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem.

Esta mera condição me encoraja a seguir em frente pela vida.

É delicioso que eu saiba e sinta que os adoro, embora não declare e não os procure.

E às vezes, quando os procuro, noto que eles não têm noção de como me são necessários, de como são indispensáveis ao meu equilíbrio vital, porque eles fazem parte do mundo que eu, tremulamente, construí.



E me envergonho, porque essa minha prece é em síntese, dirigida ao meu bem estar. Ela é, talvez, fruto do meu egoísmo. Por vezes, mergulho em pensamentos sobre alguns deles.



Quando viajo e fico diante de lugares maravilhosos, cai-me alguma lágrima por não estarem junto de mim, compartilhando daquele prazer.

Se alguma coisa me consome e me envelhece é que a roda furiosa da vida não me permite ter sempre ao meu lado, morando comigo, andando comigo, falando comigo, vivendo comigo, todos os meus amigos, e, principalmente os que não desconfiam ou talvez nunca vão saber que são meus amigos!

A gente não faz amigos, reconhece-os.



Vinícius de Moraes

VOTO DE POBREZA...

"Que importa se ganhei ou perdi, se estou bem ou mal, se sou rico ou pobre, amado ou


amaldiçoado; se Tu estás aqui, Senhor, e eu não me encontro mais sozinho, e Tu estás ao meu lado

e me animas?"

Que importa a riqueza ou a miséria exterior, se dentro de mim canta a magnificência do

universo?

Que importa se nada mais possuo, se sou desprezado e ignoro meu amanhã, se atingi a

fonte das coisas eternas?

Faz frio, mas eu me abraso porque me queima o Teu amor.

Está escuro, mas eu enxergo porque me ilumina Tua luz.

Tudo é silêncio, mas eu escuto a doce música da Tua voz.

Minha carne perdeu as forças no caminho do dever, mas meu espírito exulta.

Estão vazios meus sentidos, mas está saciada minha alma.

De Ti está cheio o universo e eu Te possuo.

Acorrei, criaturas irmãs! Vinde alegrar-vos comigo; ajudai-me a cantar o cântico do divino

amor!

Escutai: muitos, muitos anos estive sozinho, mas agora está comigo o meu Senhor.

Muitos, muitos caminhos percorri, mas agora cheguei.

Muito, muito tenho lutado e sofrido procurando; agora achei e sou feliz.

Onde está meu desespero? não mais o encontro.

Onde estão os espinhos dolorosos do meu tormento? não vejo senão rosas...

Onde o rugir das forças desencadeadas do mal?

Vinde escutar; Canta dentro de mim a música da criação.

Vinde, ajudai a alegrar-me; não tenho forças para ser tão feliz!

Vinde, achegai-vos a. mim criaturas de Deus, auxiliai-me a cantar, a orar, a amar

Compreendei o milagre. Eu estava encerrado num castelo de dor e o castelo desmoronouse.

Eu era cego e agora enxergo. Era surdo e agora ouço. Meu coração estava comprimido em mordaça de ferro e a mordaça despedaçou-se. Estava imerso num mar de gelo e agora me acho envolto.


num incêndio de amor.

Sobre minha fronte descansou o beijo do Eterno e eu ressuscitei

Basta, Senhor! Reprime o êxtase do meu coração, que se despedaça...

Faze-me ainda sofrer, somente para que eu aprenda a amar-Te mais intensamente ainda!..."

Se Pietro Ubaldi ficou pobre, isso nada representou para o mundo; mas, se com o seu voto

de pobreza a humanidade se enriqueceu, espiritualmente, o seu gesto se tornou incomensurável!                                                                                               Grandes Mensagens e Pietro Ubaldi e o III Milênio.... Pietro Ubaldi.

sábado, 7 de agosto de 2010

SABER ENVELHECER...

A velhice é o cume da caminhada. Passaram


as planícies, vales foram escalados, rampas

íngremes foram vencidas. No alto da colina se

contempla a paisagem que ficou para trás e ainda

há alguma coisa a ser feita. Há certas regras que

tornam a velhice um saboroso e abençoado

período da vida. O importante é ter a certeza de

que o Amor nunca abandona o homem, mormente

quando a estrada está quase no fim.
                                                                                                                   

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Para meu Pai.... e todos os pais do mundo....


Quem disse

que por de trás daquela barba

que nos arranha o rosto

não tem um coração moleque

querendo brincar?

Quem disse

que por detrás daquela voz grossa

não tem um menino criativo querendo falar?



Quem foi que falou

que aquelas mãos grandes

não sabem fazer carinho se o filho chorar?

Quem foi que pensou,

que aqueles pés enormes,

não deslizam suaves na calada da noite,

para o sono do filho velar?

Quem é que achou

que no fundo do peito largo e viril

não tem um coração de pudim,

quando o filho amado,

com um sorriso largo se põe a chamar?



Quem foi que determinou

que aquele coroa,

de cabelos brancos não sabe da vida

para querer me ensinar?



Pai, você me escolheu filho, eu te fiz exemplo! Feliz dia dos pais, meu PAI.



Autor ( Maria Cristina Tavares Seixas Felipe )

Frase...

Gabriel...

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Última página...

Primavera. Um sorriso aberto em tudo. Os ramos


Numa palpitação de flores e de ninhos.

Doirava o sol de outubro a areia dos caminhos

(Lembras-te, Rosa?) e ao sol de outubro nos amamos.

Verão. (Lembras-te Dulce?) À beira-mar, sozinhos,

Tentou-nos o pecado: olhaste-me... e pecamos;

E o outono desfolhava os roseirais vizinhos,

Ó Laura, a vez primeira em que nos abraçamos...

Veio o inverno. Porém, sentada em meus joelhos,

Nua, presos aos meus os teus lábios vermelhos,

(Lembras-te, Branca?) ardia a tua carne em flor...

Carne, que queres mais? Coração, que mais queres?

Passas as estações e passam as mulheres...

E eu tenho amado tanto! e não conheço o Amor!                                                                                                                 Olavo Bilac

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Inimigos...

Por um lado, ter um inimigo é muito ruim. Perturba nossa paz mental e destrói algumas de nossas coisas boas. Mas, se vemos de outro ângulo, somente um inimigo nos dá a oportunidade de exercer a paciência. Ninguém mais do que ele nos concede a oportunidade para a tolerância. Já que não conhecemos a maioria dos cinco bilhões de seres humanos nesta terra, a maioria das pessoas também não nos dá oportunidade de mostrar tolerância ou paciência. Somente essas pessoas que nós conhecemos e que nos criam problemas é que realmente nos dão uma boa chance de praticar a tolerância e a paciência.




Dalai Lama



O Pássaro Cativo...

Armas, num galho de árvore, o alçapão;


E, em breve, uma avezinha descuidada,

Batendo as asas cai na escravidão.



Dás-lhe então, por esplêndida morada,

A gaiola dourada;

Dás-lhe alpiste, e água fresca, e ovos, e tudo:

Porque é que, tendo tudo, há de ficar

O passarinho mudo,

Arrepiado e triste, sem cantar?



É que, crença, os pássaros não falam.

Só gorjeando a sua dor exalam,

Sem que os homens os possam entender;

Se os pássaros falassem,

Talvez os teus ouvidos escutassem

Este cativo pássaro dizer:



“Não quero o teu alpiste!

Gosto mais do alimento que procuro

Na mata livre em que a voar me viste;

Tenho água fresca num recanto escuro

Da selva em que nasci;

Da mata entre os verdores,

Tenho frutos e flores,

Sem precisar de ti!

Não quero a tua esplêndida gaiola!

Pois nenhuma riqueza me consola

De haver perdido aquilo que perdi...

Prefiro o ninho humilde, construído

De folhas secas, plácido, e escondido

Entre os galhos das árvores amigas...

Solta-me ao vento e ao sol!

Com que direito à escravidão me obrigas?

Quero saudar as pompas do arrebol!

Quero, ao cair da tarde,

Entoar minhas tristíssimas cantigas!

Por que me prendes? Solta-me covarde!

Deus me deu por gaiola a imensidade:

Não me roubes a minha liberdade...

Quero voar! voar!...”



Estas cousas o pássaro diria,

Se pudesse falar.

E a tua alma, criança, tremeria,

Vendo tanta aflição:

E a tua mão tremendo, lhe abriria

A porta da prisão...                                                                                                                              Bilac, Olavo. Poesias Infantis. RJ: Francisco Alves. 1929.

Frase...

"Quando o amor vos fizer sinal, segui-o; ainda que os seus caminhos sejam duros e escarpados. E quando as suas asas vos envolverem, entregai-vos; ainda que a espada escondida na sua plumagem vos possa ferir."


KHALI GIBRAN

Conto Zen...

“Tende confiança não no mestre, mas no ensinamento.


Tende confiança não no ensinamento, mas no espírito das palavras.

Tende confiança não na teoria, mas na experiência.

Não creiais em algo simplesmente porque vós ouvistes.

Não creiais nas tradições simplesmente porque elas têm sido mantidas de geração para geração.

Não creiais em algo simplesmente porque foi falado e comentado por muitos.

Não creiais em algo simplesmente porque está escrito em livros sagrados; não creiais no que imaginais, pensando que um Deus vos inspirou.

Não creiais em algo meramente baseado na autoridade de seus mestres e anciãos.

Mas após contemplação e reflexão, quando vós percebeis que algo é conforme ao que é razoável e leva ao que é bom e benéfico tanto para vós quanto para os outros, então o aceiteis e façais disto a base de sua vida.”

Gautama Buddha - Kalama Sutra

domingo, 1 de agosto de 2010

Anjo da Guarda ...

Ao nascermos, recebemos um presente


Que não podemos abrir, nem apreciar,

Porque ainda não sabemos

Que o presente está no lado de lá.

Crescemos e esquecemos do presente,


Que continua, às vezes, perto de nós.

E nos momentos mais difíceis,

Parece que ouvimos a sua voz.



Que presente é este, que pode falar

Através de uma singela intuição,

Falando fundo ao coração,

Bem baixinho, sem gritar?



Na verdade é o melhor presente

Que durante a nossa vida

Ajuda-nos nesta dura caminhada,

Levantando-nos quando preciso,

Entre lágrimas e sorrisos,

Pra mais uma jornada.



Seu nome é Anjo da Guarda

Que vem embrulhado com jeitinho,

Por Deus, com todo carinho.

E colocado à nossa disposição,

Fica torcendo baixinho

Pra nossa elevação.


***Paulo Mendes Corrêa.

Água...

Líquido precioso,


De inestimável valor,

Transparente, delicioso,

Sem um mínimo ardor.



Suave, macia, sem cheiro,

Matando a sede

Do viajante passageiro.



Água de cachoeira

Mergulhando no rio,

Escorrendo faceira

Por todo caminho.



Água de fonte

Que desce tranquila

E chega brilhante,

Límpida, radiante.



Água de chuva bendita,

Caída das nuvens carregadas,

Deixando as matas, florestas,

Tudo em festa,

Após longa estiada.



Água de poço artesanal

Guardada pela Mãe Natureza,

Deixando o nordestino do sertão

Perplexo com sua beleza.



Protejamos a Natureza

Com seus rios, lagos e fontes.

E, além dos horizontes,

Os mares com certeza.

***Paulo Mendes Corrêa.